SOLIDARIZE-SE | SEIAS entrega alimentos e máscaras para pacientes oncológicas atendidas pela ONG Mulheres de Peito

Realizada pelo Governo de Sergipe em parceria com Sindicato dos Atacadistas, campanha se integra ao Outubro Rosa

A Campanha Solidarize-SE, do Governo de Sergipe, realizou mais uma doação nesta segunda-feira, 26. Em pleno Outubro Rosa, foi beneficiada a ONG Mulheres de Peito, que atende a pacientes oncológicas da capital e do interior sergipano. Realizada pela Secretaria de Estado da Inclusão e Assistência Social (Seias) e articulada pela vice-governadoria do Estado junto ao empresariado sergipano, a campanha doou para a ONG, 52 kits de gêneros alimentícios, recebidos através de parceria firmada com o Sindicato do Comércio Atacadista de Distribuidor de Produtos Industrializados do Estado de Sergipe (Sincadise), e 300 máscaras de tecido para proteção respiratória, recebidas por meio de parceria com o Instituto Banese.

A coordenadora da ONG Mulheres de Peito, Jicelma Vieira, ressaltou a importância da doação para o público assistido pela entidade. “A associação existe há seis anos e, atualmente, atendemos 172 pacientes oncológicas cadastradas, entre mulheres da capital e do interior sergipano. Para nós, é muito gratificante receber essa assistência, por conta da pandemia e das necessidades dessas pacientes. Anteriormente, recebemos doações de máscaras e álcool também da SEIAS e todo esse material já foi repassado para as pacientes. Recebemos também da sociedade doações de roupas em bom estado para o nosso bazar solidário. E assim, vivemos, através de anjos que são colocados em nossas vidas, para que possamos amparar o nosso público”, afirmou a coordenadora da ONG.

A doação dos alimentos foi realizada pelo Sindicato do Comércio Atacadista de Sergipe (Sincadise), que anteriormente já havia feito outra doação para a campanha. O presidente do sindicato, Breno França, conta como a entidade se sensibilizou para participar da Solidarize-SE. “Atendemos ao pedido da secretária de Inclusão Social, Lêda Lúcia Couto, e fizemos a mobilização junto às empresas atacadistas para contribuirmos com a doação de produtos alimentícios. Atualmente, 80 empresas sergipanas fazem parte do sindicato. Ficamos felizes em nos somar a essa nobre ação social, que cumpre o propósito de levar o básico para as pessoas mais afetadas durante a pandemia da Covid-19. As empresas do setor atacadista se unem à Secretaria de Inclusão Social neste momento, e ficamos muito felizes em poder colaborar”, destacou o presidente do Sincadise.

A diretora de Inclusão e Direitos Humanos da Seias, Ana Márcia Menezes, conta que a campanha Solidarize-se abriu a possibilidade da rede privada fazer doações nesse momento de pandemia. “Através da campanha, recebemos doações financeiras e em alimentos de várias empresas. Hoje, estamos realizando a entrega de kits para a ONG Mulheres de Peito, segundo o quantitativo de mulheres cadastradas na entidade que estão em situação de extrema vulnerabilidade. A campanha foi criada justamente como uma estratégia da secretaria para angariar doações e auxiliar a população que mais precisa, ao longo da pandemia. Conseguimos também abranger populações quilombolas, marisqueiras, extrativistas, povos ciganos e de terreiros”, disse Ana Márcia.

Solidarize-SE

A campanha Solidarize-SE foi criada em junho deste ano e, no total, já arrecadou 72.618 kg de alimentos e R$ 25 mil reais em recursos, revertidos para populações vulneráveis em maior risco social durante a pandemia, como idosos, crianças e adolescentes abrigados nos municípios, comunidades tradicionais e instituições socioassistenciais. A campanha segue recebendo doações, e a pessoa física ou jurídica que desejar e puder auxiliar poderá obter as informações necessárias através do site www.inclusao.se.gov.br/solidarize-se. Basta acessar o mapa de Sergipe disponível na página eletrônica, e clicar sobre o município sobre o qual deseja conhecer as formas de contribuir.

|Fotos: Pritty Reis

Última atualização: 26 de outubro de 2020 15:45.

Pular para o conteúdo